Descrição

Um dos setores de atividade económica com maior impacte junto das populações é, sem dúvida o alimentar. As empresas que produzem, manuseiam, fornecem e distribuem produtos alimentares reconhecem a cada vez maior preocupação em demonstrar e documentar as condições de controlo dos seus produtos de modo a garantir a total segurança e qualidade alimentar do que produzem. Para tal as empresas instauraram boas práticas de higiene e fabrico nomeadamente no que se refere à higiene de equipamentos, utensílios, higiene pessoal, controlo de pragas, formação, etc.
A elaboração de projetos construção de raiz têm atualmente em consideração uma série de fatores para garantir o total controlo sobre a produção e evitar contaminações cruzadas. O sistema HACCP consiste numa abordagem sistemática e estruturada de identificação de perigos e da probabilidade da sua ocorrência em todas as etapas da produção, definindo medidas para o seu controlo que permitam assegurar a inocuidade dos alimentos. O sistema HACCP baseia-se em princípios e conceitos preventivos sendo considerado uma ferramenta de gestão.

Quer ficar por dentro das novidades do mundo da formação? Assine a nossa newsletter.

Gerais:

Reconhecer a importância da higiene e segurança alimentar e sensibilizar os formandos relativamente aos conceitos gerais do sistema HACCP na produção de alimentos seguros.

Específicos:

Concluída a ação de formação os e-alunos serão capazes de:
– Identificar os conceitos fundamentais de higiene e segurança alimentar;
– Identificar os principais perigos que podem afetar a segurança alimentar: físicos, químicos e biológicos;
– Reconhecer a importância da higiene pessoal, das instalações, equipamentos e utensílios;
– Definir, genericamente as condições para a conceção e projeção de industrias alimentares, layout e circuitos;
– Explicar em que consiste o sistema HACCP e identificar as suas vantagens de implementação.

Perigos alimentares – Biológicos, químicos e físicos

– Perigos Biológicos
– Perigos Químicos
– Perigos Físicos
– Toxinfeção alimentar

Higiene das instalações, equipamentos e utensílios

– Infraestruturas
– Equipamentos e utensílios
– Limpeza e desinfeção

Higiene pessoal e formação

– Legislação aplicável
– Estado de saúde
– Regras gerais de higiene

Controlo de pragas

– Tipos de pragas
– Controlo de pragas
– Deteção e monitorização
– Plano de controlo de pragas

Conceção e desenho higiénico das instalações

– Desenho higiénico das instalações
– Localização
– Envolvente
– Layout
– Circuitos

HACCP – Análise de perigos e controlo de pontos críticos

– Enquadramento
– Vantagens e desvantagens da implementação
– Princípios


Operadores, responsáveis de laboratórios ou de unidades fabris ou qualquer profissional do setor alimentar que tenham um papel importante na contribuição para a segurança alimentar.
No modelo de e-learning o e-aluno tem a possibilidade de frequentar o curso e realizar as atividades nos dias e horários que desejar, desde que dentro dos prazos definidos para o curso.

A avaliação depende dos seguintes itens:
– avaliação obtida nos testes;
– classificação obtida nos desafios.

A conclusão da formação com Aproveitamento implica a obtenção de uma classificação final igual ou superior a 10 (dez) valores na nota de avaliação final, numa escala de 0 a 20 valores. A conclusão da formação com aproveitamento resulta na obtenção de um Certificado de Formação Profissional, emitido de acordo com os requisitos legais em vigor, que será enviado para a morada indicada pelo e-aluno até um prazo máximo de 15 dias após a conclusão da ação de formação.